Comer folhas verdes diariamente pode manter seu cérebro até 11 anos mais jovem

Facebooktwitterpinterest

Comer uma porção de folhas verdes ao dia pode te ajudar a ficar longe da demência.

Com tantos estudos científicos na área da saúde e alimentação é de se esperar que a maioria de nós aceite que vegetais fazem bem a saúde.

Mas, quem não gosta de informações novas?

E que ajudem a entender mais os benefícios dos alimentos naturais?

Todos nós sabemos que vegetais são bons para nós, certo.

Mas você sabia que comer 1 porção de folhas verdes por dia pode evitar a demência?

Pesquisadores da Rush University em Chicago avaliaram a dieta e a capacidade mental de cerca de 950 idosos, todo ano durante 2 a 10 anos.

Para isso os participantes, com idade média de 81 anos, fizeram 19 testes para avaliar sua função mental.

E identificaram numa lista de 144 itens quais alimentos e bebidas faziam parte de sua dieta.

Resultado

As pessoas que comeram vegetais verdes folhosos, como espinafre e couve, 1 ou 2 vezes ao dia tiveram um declínio cognitivo, significativamente menor que aqueles que não comeram, mesmo quando outros fatores, como educação, exercícios e histórico familiar de demência foram considerados.

Em geral, os participantes que comeram verduras interromperam seu declínio mental por uma média de 11 anos, revelaram os pesquisadores na Conferência de Biologia Experimental em Boston.

A principal pesquisadora do estudo, Martha Clare Morris, disse:

“Perder a memória ou as habilidades cognitivas é um dos maiores medos das pessoas à medida que envelhecem. Uma vez que o declínio da capacidade cognitiva é fundamental para a doença de Alzheimer e demências, aumentar o consumo de vegetais com folhas verdes pode ser uma forma muito simples, acessível e não invasiva de potencialmente proteger seu cérebro da doença de Alzheimer e da demência.”

Morris disse que os benefícios das folhas verdes provavelmente estão relacionados aos altos níveis de vitaminas e nutrientes, como vitamina K, luteína, folato e betacaroteno.

Um estudo anterior na Suécia havia ligado o espinafre à melhora da força muscular.

Via: Telegraph

Facebooktwitterpinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.